Pelo menos 2 vezes ao ano é necessário desinfetá-la completamente. Sim, amigos, aquela que sempre lavou suas roupas também precisa ser lavada!

Segundo especialistas, algumas dessas “soluções magicas” podem ter o efeito contrário e até danificar sua lavadora, por isso separamos uma dica da forma certa de lavar a sua máquina!

Então vamos lá!?

Você vai precisar de:

  • Água Quente
  • 1 litro de Água Sanitária
  • 1 litro de Vinagre Branco Destilado
  • 1 Pano ou Esponja

Como fazer?

Encha a máquina com água quente.

Se você não possui encanamento com água quente, recomendo deixar a máquina encher de água até a metade e depois colocar dois baldes com água fervente, ela irá misturar com o restante e ainda ficará quente.

Nessa água quente você deve despejar toda a água sanitária.

Ligue a máquina na metade do ciclo completo de lavagem e deixe a água agitar por 1 minuto. Depois desligue e deixe descansando por um hora.

Depois de descansar, regule a máquina para o ciclo mais longo e espere chegar ao fim da “lavagem”.

Quando o ciclo tiver terminado, espere a liberação da água e encha a máquina novamente com água quente.

Agora despeje todo o vinagre. Repita a operação de agitar a água por 1 minuto e depois deixe descansar por uma hora.

Enquanto a água descansa, molhe o pano na mistura.

Use o pano molhadinho para limpar cada cantinho seco da máquina, perto das dobradiças da tampa.

Lembra da água com vinagre que estava no tambor na máquina? Voltemos à ela!

Depois dessa mistura ter descansado por uma hora, coloque no ciclo mais longo e espere até terminar todo o processo.

Como deve ter percebido, foi preciso um pouco de trabalho para deixar a máquina livre de bactérias, sabão acumulado e outras sujeiras no cesto de lavagem.

Ela ficou visivelmente mais limpa por fora e a higienização por dentro, você poderá notar nas suas roupas. Sabe quando você lavava as peças e ela voltava com fiapos de outras roupas, manchas do sabão em pó, etc… isso vai acabar.

É recomendável que você repita todo esse processo pelo menos duas vezes ao ano e se você morar numa região em que a água é dura, ou seja, com grande concentração de sais e cálcio, essa operação deve ser feita a cada três meses.